TYPO3 Cumulus Flash tag cloud by TYPO3-Macher - die TYPO3 Dienstleister (based on WP Cumulus Flash tag cloud by Roy Tanck) requires Flash Player 9 or better.

 

Melhorando as cidades por meio da natureza: apresentamos o INTERACT-Bio

Vista aérea de Londrina, uma das regiões metropolitanas selecionadas para o INTERACT-Bio. Crédito: Prefeitura Municipal de Londrina.

17/08/2017

Por Kobie Brand* para o Blog CityTalk, do ICLEI

O INTERACT-Bio visa integrar a biodiversidade e soluções baseadas na natureza na forma como planejamos e construímos as cidades do Sul Global. Este novo e ambicioso projeto permite que o ICLEI- Governos Locais pela Sustentabilidade trabalhe diretamente com nove regiões metropolitanas biodiversas, seus governos nacionais e outras partes interessadas em três países.

No Brasil, Índia e Tanzânia, os Secretariados Regionais do ICLEI, apoiados pelo nosso Centro de Biodiversidade e Cidades e pelo Secretariado Mundial, aliaram-se às cidades do projeto INTERACT-Bio nesses três países para possibilitar a ação local multinível e interdisciplinar nos próximos quatro anos. Essa ação vai promover e consolidar a natureza como um componente essencial para o futuro dessas cidades e das regiões que as cercam.

Em um mundo que está se urbanizando cada vez mais rápido, a natureza é literalmente empurrada para as margens - muitas vezes resultando em perdas irreversíveis para a humanidade e para o planeta. Este projeto não se concentrará apenas em colocar a natureza no centro do planejamento e desenvolvimento urbano, mas permitirá o fortalecimento institucional, ao mesmo tempo em que incrementa capacidades técnicas muito necessárias às regiões metropolitanas participantes.

Avançando com base nos mais de 25 anos de trabalho prático de apoio ao desenvolvimento sustentável a nível local, o ICLEI dará o próximo passo com essas nove regiões pioneiras para promover uma vida urbana que esteja em harmonia com a natureza. O INTERACT-Bio contribuirá, também, de forma significativa ao conhecimento e prática existentes sobre a integração da natureza em nossas paisagens urbanas.

Ao longo dos anos, as cidades pioneiras do ICLEI - como as envolvidas no Programa de Ação Local pela Biodiversidade (LAB) - mostraram de diversas e valiosas formas que o desenvolvimento de uma cidade próspera é, de fato, melhor alcançado, fazendo com que a natureza seja parte essencial de nossos espaços urbanos, estruturas e serviços. Ela nos proporciona uma vasta gama de benefícios e serviços essenciais, tais como purificação de água, controle de inundações, regulação climática, segurança alimentar e ar limpo.

Além disso, um crescente número de evidências aponta não apenas para a ligação direta entre a natureza e a saúde física das pessoas que vivem nas cidades, mas também o impacto que tem sobre o bem-estar mental, espiritual e comunitário. Ao reconhecer isso, muitas nações reuniram-se durante a última década nos processos da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) para expressar seu apoio a soluções baseadas na natureza e a se comprometerem com acordos globais consecutivos que priorizem, promovam e possibilitem ações subnacionais e locais pela biodiversidade.

A iniciativa vem no momento certo - à medida nos preparamos para lançar novas diretrizes globais com o Secretariado da CDB, que permitirá às nações incorporarem e divulgarem contribuições e ações de cidades em suas Estratégias Nacionais e Planos de Ação de Biodiversidade. Este projeto irá demonstrar efetivamente como isso pode ser feito em três países em desenvolvimento.

Brasil, Índia e Tanzânia têm uma biodiversidade única no mundo, mas os complexos desafios de desenvolvimento são amplamente manifestados em suas cidades em rápido crescimento e nas regiões vizinhas. Importante destacar que o projeto foi desenhado com uma abordagem baseada na paisagem. Em vez de se restringir aos limites geográficos ou administrativos das cidades, o projeto incluirá os territórios vizinhos dos quais essas cidades dependem de serviços essenciais produzidos pela natureza. Essa abordagem holística permitirá que as cidades do projeto repensem e remodelem suas paisagens urbanas e naturais e planos de desenvolvimento de forma harmônica.

O INTERACT-Bio foi projetado especificamente para ser implementado localmente nas nove regiões metropolitanas selecionadas, permitindo personalização local, apropriação e aplicabilidade. O objetivo é fortalecer a integração vertical entre os níveis de governo e o alinhamento horizontal nos níveis da cidade e regiões, em diferentes departamentos e áreas de gerenciamento operacional. Mais especificamente, irá promover a compreensão e uma melhor capacidade das lideranças locais para integrarem a natureza nos planos de desenvolvimento urbano e estimularem oportunidades socioeconômicas e de serviços associadas aos recursos naturais disponíveis. Opções de investimento sustentável e rentável associadas aos recursos naturais urbanos serão identificadas e desenvolvidas.

Além dos inúmeros benefícios locais que o projeto vai gerar, um de seus vários legados globais será uma nova plataforma global de engajamento de cidades, que será criada em colaboração com os participantes da iniciativa. Ela servirá como um registro para que as cidades compartilhem e divulguem progressos em seus compromissos para integrar a biodiversidade e as soluções baseadas na natureza, complementando a plataforma Registro Climático carbonn, na qual mais de 750 cidades já informaram seus compromissos e ações de mitigação e adaptação climática.

Como não podemos gerir o que não podemos medir, é cada vez mais importante no nosso mundo urbanizado entender melhor o valor da natureza em nossas vidas. Se pudermos avaliar e mobilizar melhor as contribuições locais derivadas da natureza para o nosso bem-estar e as nossas economias, e atingir os objetivos globais da biodiversidade, incluindo as Metas de Aichi e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, não tenho dúvidas de que muitos outros investidores - públicos e privados - darão as mãos aos líderes das cidades para trazer a natureza e seus múltiplos ativos de volta!

O INTERACT-Bio, por meio de seus impactos locais, nacionais e globais, é criado para contribuir de forma significativa para a construção de cidades melhores e mais habitáveis. E, à medida que o projeto se inicia, é maravilhoso ver a dedicação e o entusiasmo de nossas equipes do ICLEI, nosso parceiro UFZ e nossos colaboradores em cada país.

Para ler mais, visite o site global e a página no site do ICLEI América do Sul
-
O INTERACT-Bio é apoiado pela Iniciativa Internacional do Clima da Alemanha e financiado pelo Ministério Federal do Meio Ambiente, Conservação da Natureza, Construção e Segurança Nuclear.

 

*Kobie Brand é diretora do Centro de Biodiversidade e Cidades (CBC) do ICLEI, com base na Africa do Sul, e que oferece a liderança técnico do INTERACT-Bio.

 
 
 
Google+
PT | ES