TYPO3 Cumulus Flash tag cloud by TYPO3-Macher - die TYPO3 Dienstleister (based on WP Cumulus Flash tag cloud by Roy Tanck) requires Flash Player 9 or better.

 

O Sistema Nacional de Áreas Protegidas (SNAP) estabelece um quadro regulatório robusto para o país, no qual as áreas geridas  ou criadas por Governos Autônomos Descentralizados (GADs) são previstas. Apesar dessa possibilidade de protagonismo dos governos locais, apenas 1 área cadastrada no SNAP se enquadrava como tal na época.

Estudo Técnico de Linhas de Base - Equador

Estudos de Linhas de Base foram elaborados em 2017 para avaliar o estado atual das áreas protegidas locais nos quatro países, em termos de legislação, cadastro e amparo institucional.

Experiências de boas práticas na gestão efetiva de Áreas Protegidas Locais

Em 2018 o ICLEI América do Sul conduziu um levantamento e sistematização de experiências de gestão de Áreas Protegidas Locais por meio de uma Convocatória para áreas protegidas e outras medidas de conservação gestionadas por GADs, que levantou 57 iniciativas de GADs municipais, 7 de GADs provinciais e 4 de comunidades. Desse total, 55 iniciativas foram contatadas para responder o questionário, obtendo 44 respostas. A seleção de casos a partir dessa amostra foi feita por meio de indicadores de 5 dimensões: sustentabilidade, institucionalidade e capacidade administrativa, sustentabilidade financeira, governança e participação comunitária. Foram selecionados os seguintes casos de sucesso:

 

 

Área de conservação municipal Tinajillas Río Gualaceño

GAD Municipal Limón Indanza - Província de Morona Santiago

A área de Tinajilla Río Gualaceño foi criada em fevereiro de 2013, com uma extensão de 31.959,35 ha., Aderiu a uma estratégia sustentada de conservação e uso sustentável da biodiversidade e serviços ecossistêmicos para sua população. A estratégia de conservação e uso sustentável da área faz parte do modelo de desenvolvimento cantonal focado na articulação da gestão local com a sustentabilidade ambiental. É um processo com alta gestão institucional e ecológica dos ecossistemas, biodiversidade e beleza cênica da região, com perspectivas de uso sustentável por meio de iniciativas econômicas ambientalmente amigáveis.

 

 

Áreas de conservação Guardia de la Paz

GAD municipal de Nabón - Província de Azuay

É uma experiência de gestão ambiental participativa com foco na proteção da água, orientada para o Bem Viver em comunidades, comunidades e centros urbanos do cantão. Constitui cerca de 20% do território cantonal e é uma área de grande importância devido à função ecológica que cumpre e aos serviços ambientais que presta. É uma zona de recarga de água que fornece água a um setor importante da população cantonal; contribui para a geração hidrelétrica da usina de Minas San Francisco, um projeto estratégico do governo nacional, dentro da política de mudança da matriz energética; Além disso, devido à diversidade de flora e fauna e à beleza cênica que oferece, constitui um potencial turístico.

 

 

Área de Conservação e Uso Sustentável Yunguilla

GAD municipal de Quito - Província de Pichincha

O ACUS Yunguilla é o resultado de um processo de organização comunitária de conservação ambiental, originado de uma iniciativa local que em 2013 recebeu a declaração como área de conservação e uso sustentável de uma área de 7.455 ha de floresta nublada. Essa experiência de gestão ambiental concentra-se na implementação de um modelo de desenvolvimento local sustentável, autogerenciado pela comunidade. O principal ator da estratégia é a comunidade local organizada na figura da Yunguilla Microenterprise Corporation, que desenvolveu altas capacidades de gerenciamento, gerenciamento e administração de seu modelo de desenvolvimento comunitário.

 
 
 
Google+
PT | ES